terça-feira, 19 de abril de 2016

Gauchão / 16: Wianey Carlet: as carências do Inter estão em todos os setores

Opinião19/04/2016 | 11h00Atualizada em 19/04/2016 | 11h00
Wianey Carlet: as carências do Inter estão em todos os setores Lauro Alves/Agencia RBS
Foto: Lauro Alves / Agencia RBS
O jogo de sábado apenas confirmou que o Inter tem uma equipe fraca que, sendo incapaz de superar o São José no Beira-Rio em uma semifinal do Gauchão, certamente não terá habilitação para encarar com ambição os jogos do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil.
Falta qualidade ao time colorado. As carências estão em todos os setores. Engana-se quem pensa que o Inter poderá chegar a algum lugar com Vitinho, Andrigo e até Sasha. Com os jogadores que estão disponíveis no Beira-Rio, a grande tarefa do Inter nesta temporada será se manter na Primeira Divisão.
Hexacampeonato
Não está escrito em lugar algum que o Inter não poderá chegar ao hexacampeonato estadual. Os desempenhos do time colorado, entretanto, não têm servido para alimentar as esperanças da torcida colorada. Já terá sido uma proeza se o time de Argel conseguir derrotar o São José, sábado, no Passo D'Areia. Se perder, não terá sido pela grama sintética, não senhor.
Pênaltis
Sasha não é cobrador de faltas. Sendo assim, como entender que tenha sido destacado para cobrar o pênalti, sábado, contra o São José? Como o Inter não conta mais com D´Alessandro, exímio cobrador de pênaltis, mais razoável seria fixar Paulão como o cobrador oficial do time. Paulão colocaria toda a sua força na bola e empurraria até o goleiro para as redes se fosse alvejado por um chute. Se não tem quem bate melhor, o Inter deveria escalar quem bate mais forte.
Acompanhe o Inter através do Colorado ZH. Baixe o aplicativo:
*ZHESPORTES

Nenhum comentário:

Postar um comentário